Por Brenda Mars

Fim-de-festa. A porta do refrigerador aberto guarda apenas restos de doces, salgados, bebidas e o amargo gosto da saudade. Uma ressaca deixa a cabeça dolorida na falta de saborosos e doces beijos. O sal dos temperos da memória conservam alguns sorrisos, mas não trazem o calor da convivência.

Os momentos agora são mais frios. E, assim como o gelo é menos denso que a água, alguns pensamentos são mais leves que o presente. A escrita alivia, mas não traz o calor de um abraço. Os retratos não registrariam tanto, pois a alma dos rostos escapam, enquanto o gosto dos alimentos parecem se decompor no estômago depressa.

A fruta do pé, buscada na árvore não poderá ajudar a digerir as lembranças de um coração apaixonado que morre se colocado em baixas termperaturas. Só o fogo poderá derreter o amor em pedra de gelo e tranformá-lo novamente em correnteza.

(Crônica em homenagem a escritora Clevane Pessoa, conselheira do Instituto Imersão Latina)

Mensagem aos amigos:

Aproveitem cada momento de convivência com família e amigos e jamais deixem o gelo quebrar a beleza das relações humanas. Faça um 2012 repleto de paz e amor e que Deus lhe dê saúde e força para seguir trabalhando por um mundo melhor!

Brenda Mar(que)s Pena

Anúncios